Uma janela sobre o mundo bíblico

Se Paulo é chamado o apóstolo dos gentios, por que Pedro diz que Deus o escolheu para levar o evangelho aos gentios em Atos 15,7?



  • Pergunta de Larissa , Teofilo Otoni - MG
  • 699
  • 31/12/2016
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Pedro |


Olá Larissa de Teófilo Otoni - MG!

Sua pergunta atinge um dos tantos conflitos que a comunidade nascente enfrentou e que o livro dos Atos dos Apóstolos narram.

A questão dos gentios, está no centro da controvérsia. Ou a Igreja se abriria aos gentios, isto é a mensagem cristão é para todos, ou se tornaria um novo grupo de Judeus, fechados e que acreditariam em Jesus.

O que queriam os judaizantes, (judeus que se converteram ao cristianismo) era que os gentios antes de serem cristão se tornassem Judeus, observassem a lei judaica, fossem circuncidados (sinal da pertença ao povo judeu)

Pedro por estar em Jerusalém, dirigindo a comunidade cristã, fazia como se diz na gíria um jogo de cintura, fechava os olhos para esta realidade, a comunidade de Jerusalém estava ainda com o coração na observância da lei Judaica.

Paulo compra a Briga, discute com Pedro e o Concílio de Jerusalém no ano de 49 d.C. resolve a questão, para ser cristão não há necessidade de ser circuncidado, passando primeiro pelo judaísmo.

Depois do Concílio de Jerusalém, Pedro se abre publicamente a realidade dos gentios e seu discurso evangelizador é para todos: judeus, gentios, gregos ou romanos.

Por este motivo em Atos 15,7-21, o discurso mostra um apóstolo Pedro assumindo as decisões do Concílio de Jerusalém:

7 Depois de uma longa discussão, levantou-se Pedro e disse: Irmãos, vós sabeis que, desde os primeiros dias, Deus me escolheu do meio de vós para os gentios ouçam  de minha boca a palavra do evangelho e abracem a fé ( Atos 15,7) Bíblia de Jerusalém.

“19 Eis porque eu julgo que não deveis molestar os pagãos que se converteram a Deus” (Atos 15,19) Bíblia de Jerusalém.

Depois destes incidentes em Jerusalém dos decretos do Concílio de Jerusalém, Pedro entra em acordo com Paulo afirmando: Você Paulo conhecedor da cultura grega, dos usos e costume dos pagãos, leve o conhecimento de Jesus Cristo aos gentios, eu permaneço em Jerusalém com a comunidade formada de judeus vindos do judaísmo, mas sem desprezar a entrada dos gentios na comunidade. Os conflitos eram enormes. Os judeus que não conversam com os pagãos, não sentavam-se a mesa com os pagãos para refeições, por causa da lei do puro e impuro, nem comiam o pão amassado por um pagão, agora deveriam viver juntos, celebrar a eucaristia juntos. Assim Pedro vai levando a comunidade cristã de Jerusalém com conflitos, oriundos, da entrada dos pagãos e da tolerância que deveriam enfrentar.

699 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook