Siga-nos no FaceBook




Lugares bíblicos

Aonde se encontra “me diga com quem andas que eu digo quem tu és”?

Pergunta de Renan dos Santos, Paraná
Resposta de Odalberto Domingos Casonatto, em 08/07/2012


Leia mais sobre Frases bíblicas

Olhando a relação das perguntas respondidas, localizei uma semelhante respondida em outubro de 2011, que relendo novamente a resposta, acredito que poderá responder tua pergunta pois ambas tem o mesmo sentido.

Antes de dispor à resposta que foi dada a pergunta, “Na Bíblia está escrito: diga com quem tu andas e eu direi quem tu és”! Pergunta de Fabiana Ap Silva  de Jacutinga / Rs em 15/10/2011, deixo esta consideração: Embora esta frase “diga com quem tu andas e eu direi quem tu és” e muito conhecida nossa e utilizamos muitas vezes em situações de conselhos aos filhos, amigos, ela não é uma frase que se encontra na Biblia. Pela sua formulação, erramos quando julgamos que seja frase bíblica. Assim tua pergunta permanece sem resposta. Mas sempre encontramos na Biblia, muitas outras frases semelhantes no livro dos provérbios e mesmo na sabedoria.

Deixo para a leitura a resposta que foi elaborada na pergunta semelhante a que enviastes:

“Na Bíblia está escrito: diga com quem tu andas e eu direi quem tu és”! Pergunta de Fabiana Ap Silva  de Jacutinga / Rs em 15/10/2011 e respondida por Odalberto

 

Diga-me com quem andas e te direi quem és!

Quem de nós nunca ouviu esta frase na casa dos pais: “Diga-me com quem andas e te direi quem és!”. Ela se tornou clássica a nossos pais quando eles queriam nos afastar da má influência das companhias. Eles tinham de fato toda a verdade. Sabiam muito bem as confusões que poderíamos aprontar se seguimos as orientações destes maus companheiros. Eles queriam que evitássemos estes constrangimentos, para nós e especial para eles.

A frase “Diga-me com quem andas e te direi quem és!” tem fundamento bíblico?. De onde a frase saiu? Ela realmente esta escrita na Bíblia?

Encontramos as respostas mais desencontradas para ela. Muitos dizem que sim, e indicam até o livro que ela está, nos Provérbios ou no livro dos Salmos. Outros vão mais longe afirmam que foi Jesus que disse. Até poderíamos admitir que Jesus disse em discursos de parábolas esta frase ou outras vezes citava escritos do Antigo Testamento afirmando para que fossem cumpridas as profecias de Isaías, entretanto a frase como se apresenta não foi de Jesus e tão pouco encontramos a frase escrita na bíblia.

 

Seria um ditado popular?

Se não é de Jesus e não encontramos na Bíblia, tal e qual citamos em nossas conversas então seria ela um ditado popular? Digamos que esta frase: “diga-me com que tu andas e te direi quem és”, seja um ditado popular. Ainda assim nos perguntamos. Poderia aplicá-la na vida e na educação dos filhos? Não é uma frase do tempo já passado e superado. Será que devemos aplicá-la realmente hoje? E mais, será que devemos usar essa frase na nossa vida cristã, já que ela não está escrita na Bíblia?

 

Concluindo:

Podemos dizer que ela não está escrita na Bíblia, mas também que ela está na Bíblia! Isto é, em outras palavras, podemos encontrá-la na Bíblia de forma semelhante, em outras palavras, de forma contextual. Tendo o mesmo significado.

Busquemos na Bíblia alguns versículos que ajudem entender este “dito popular”.

Provérbios 13, 20 nos diz:

 “20 Quem anda com os sábios será sábio; mas o companheiro dos tolos sofre aflição.” (Provérbios 13, 20)

Salmos 1, 1-6 assim fala:

“1 Bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores;

2 antes tem seu prazer na lei do Senhor, e na sua lei medita de dia e noite.

3 Pois será como a árvore plantada junto às correntes de águas, a qual dá o seu fruto na estação própria, e cuja folha não cai; e tudo quanto fizer prosperará.

4 Não são assim os ímpios, mas são semelhantes à moinha que o vento espalha.

5 Pelo que os ímpios não subsistirão no juízo, nem os pecadores na congregação dos justos;

6 porque o Senhor conhece o caminho dos justos, mas o caminho dos ímpios conduz à ruína.” (Salmos 1, 1-6)

 

Nesta passagem Deus nos fala para não andarmos no caminho dos ímpios, incrédulos e ou os que não tem fé, pois se assim fizermos Deus não nos reconhecerá!

Mateus 13,1-23 narra uma Parábola de Jesus muito conhecida, a do semeador e sua explicação. Ela nos diz que o mundo está aí tentando nos tirar do caminho, lembre-se estreito é a porta para a salvação que vem de Jesus, mas larga a porta para a perdição, o inimigo está aí fora e quer que você saia do caminho da salvação.

Outra passagem da literatura profética Jeremias 16, 19-21 assim diz:

 “19 Ó Senhor, força minha e fortaleza minha, e refúgio meu no dia da angústia, a ti virão às nações desde as extremidades da terra, e dirão: Nossos pais herdaram só mentiras, e vaidade, em que não havia proveito.

20 Pode um homem fazer para si deuses? Esses tais não são deuses!

21 Portanto, eis que lhes farei conhecer, sim desta vez lhes farei conhecer o meu poder e a minha força; e saberão que o meu nome é Jeová.” (Jeremias 16, 19-21)

1 Coríntios 15, 33 afirma:

“33 Não vos enganeis. As más companhias corrompem os bons costumes.” (1 Coríntios 15, 33)

 

Finalizando pensemos que muito além dos ditados populares, que na conversa do dia a dia utilizamos, está a orientação de Deus para uma vida plena, completa e feliz. Sua palavra nos alerta, orienta e conforta. Porque não utilizamos mais as frases e ditos de Jesus ou versículos da Bíblia em nossas conversas!!!

15062 visitas

2 comentários

Postar um comentário

  • welington (governador valadares) - 23/08/2014

    excelente estudo aprendi mais um pouco da palavra de DEUS

  • laryssa (Fortaleza-ce) - 21/07/2014

    -Essas Palavras são muito Abençoada Ensina muito como nós devemos andar.