Siga-nos no FaceBook




Lugares bíblicos

Quem são as virgens na parábola das dez virgens? O noivo e a noiva? Por quê?

Pergunta de Ani, João Pessoa / PB
Resposta de Odalberto Domingos Casonatto, em 15/05/2012


Leia mais sobre Parábolas Mateus

Olá Ani de João Pessoa / PB!

A Parábola das dez Virgens, é uma das mais conhecidas parábolas de Jesus. Já ouvimos inumeradas vezes, quase temos gravadas em nossa memória. Esta parábola de Jesus aparece apenas em um dos quatro evangelhos. O Evangelho de Mateus, 25,1-13, apresenta a narrativa da Parábola. A temática da parábola é claramente escatológica: estar preparado para o Juízo Final.

Esta parábola foi uma das mais populares durante o período Idade Média, exerceu enorme influência sobre a arte gótica na construção das Catedrais europeias, esculturas das imagens das dez virgens encontramos nos portais das catedrais alemãs e francesas de uma beleza vislumbrante. Catedrais como de Freiburg im Breisgau,

Catedral de Amiens (Notre-Dame d'Amiens),

Catedral de Basel, ca. 1280,

Catedral de Bern,

Catedral de Notre-Dame de Paris,

Strasbourg, Saint-Pierre-le-Jeune, igreja evangélica etc...

 

Uma festa de casamento na Palestina

A narrativa da Parábola acontece em uma festa de casamento, com todos os personagens que envolvem. É costume da região estas festas durarem dias, e o acontecimento principal era o encontro do noivo com a noiva. Para este encontro esperado as amigas da noiva (virgens) permaneciam com a noiva na espera ritual da chegada da comitiva do noivo formada por ele e seus amigos. Após o encontro, a festa tinha o início selando a união matrimonial.

Quem é o noivo da Parábola:

O noivo é claramente Jesus que chega para unir-se a sua noiva, a comunidade cristã (todas as comunidades)

Quem é a noiva:

A noiva é a comunidade cristã.

Quem são as dez virgens.

As dez virgens são as almas cristã, os batizados, os crentes, que estão desposados com Cristo, o esposo único conforme 2 Cor 11,2:

“Experimento por vós um zelo semelhante ao de Deus. Desposei-vos a um esposo único, a Cristo, a quem devo apresentar-vos como virgem pura”. (2 Cor 11,2)

 Note Bem: aqui Paulo representa o amigo do esposo que apresenta a sua noiva. Esta imagem vem do Antigo Testamento onde o amor de Iahweh por seu povo preferido, vem simbolizado pelo amor do esposo e da esposa (conf. Jr 2,1-7; Ez 16,23. No Novo Testamento novamente reaparecem comparações com as mesmas imagens (conf. Mt 22,2; 25,1; Jo 3,28-29)

Esta metáfora que encontramos no Novo Testamento na Parábola das dez virgens vem exprimir a relação de amor e fidelidade entre Deus e o seu povo, que o Antigo Testamento constroi e reaparece no Novo Testamento entre Cristo o filho de Deus com o novo Povo de Deus, os batizados. Esta Parábola é considerada uma das mais conhecidas e eficazes de toda a tradição encontrada nos escritos sagrados da Bíblia.

Ani! A dificuldade de chegar a compreensão dos elementos desta Parábola, o noivo, noiva, e as 10 virgens, é compreensível. De fato não entendemos na primeira leitura. Confundimo-nos quando queremos interpretar o sentido da noiva e as 10 virgens. Melhor e entender assim: a noiva sendo a (s) comunidades e as 10 virgens como sendo os membros batizados desta comunidade caminhando para um final ou acerto de contas, (esta parábola tem sentido escatológico).

13583 visitas

12 comentários

Postar um comentário

  • zoara Assis (cariacica) - 21/06/2014

    Muito obrigada por esclarecer sem duvidas quem e a igreja representada nessa parábola, muitas pessoas tem duvidas a esse respeito, muito obrigada...

  • Johnathan de Aquino Lustosa (Campinas) - 19/04/2014

    Queria apenas deixar comentado que a noiva não é a comunidade cristã. Na verdade a noiva representa a cidade santa (Ap 21:9 e 10), e as virgens que vão ao encontro do noivo são um símbolo da igreja. No Apocalipse, é dito que o povo de Deus são os convidados à ceia das bodas (Ap 19:9). Se eles são os convidados, não podem ser a noiva.

  • Jonas Scoralick (Tres Rios (RJ)) - 12/03/2014

    (Leiam com atenção) Basicamente as dez virgens representam a igreja como citado no texto bíblico no inicio todas tinham as suas lampadas acesas mas depois ouve um grande sono sobre elas como podemos ver estamos em uma era no qual a igreja esta sobre um terrível sono podem muitos dizer q não mas e a pura verdade Jesus nos mandou ir e pregar o evangelho mas infelizmente as falsas doutrinas e os lobos adentraram as igrejas e as pessoas nao tem mais akela essencia de antes no qual ...

  • Neto (Fortaleza) - 12/09/2013

    Quem são as virgens? .... De maneira nenhuma podemos dizer que as virgens é o povo de fé pura, ou, relacionar com a Igreja. 1º de acordo com a tradição judaica, a noiva já teria sido levada antes das bodas. 2º só existe uma noiva e não dez, como é ocaso aqui. È mais interessante ficarmos com o comentário de Charles C.Ryrie que aponta para um remanescente judaico que creram em Jesus depôs do arrebatamento e que agora estaria aguardando o retorno do noivo para a celebração,ou oficialização do casamento, digamos ...

  • ad (aracruz) - 04/06/2013

    Jesus é o noivo e as virgens são as igrejas que aguardam o retorno de Jesus. TOdas dormem, conforme comparação a igreja de Laodiceia, mas algumas tem o azeite de reserva, que é a fé genuina que fará diferença entre salvos e perdidos na igreja.

  • Helga (São Paulo) - 04/06/2013

    É verdade: tirando o dia e a hora tudo foi revelado. É que ao dia e a hora Jesus não sabia. Nem o outro deus, o Espirito Santo, sabia. Dos três deuses, só o Deus Pai é que tem essa informação. Curioso porque nem o Cristo nem o Espírito Santo tivesse essa informação: eles não são deuses também? Agora é estranho que o que foi revelado o foi de maneira troncha: cada leitor interpreta o texto da revelação de forma diferente.

  • Erivaldo (Salvador) - 04/06/2013

    Amigo citastes; Atos.1;4? Jesus neste versiculo está se referindo a PROFECIA de JOEL que sera cumprida finalmente em Atos.2 PENTENCOSTES- este versiculo não tem nada a haver- Deut.29;29 Irmã, tudo foi revelado aos Apostolos, claro que se exetua o DIA e a HORA. As revelações TODAS foram dadas aos APOSTOLOS por Jesus Cristo. Tudo foi reveledo a ELES, por isso é que temos hoje como seguir a Jesus Cristo verdadeiramente. Irmã, TUDO Deus entregou ao FILHO, todos os seus ensinamentos, MANDAMENTOS etc, e Jesus ENSINOU aos...

  • Aparecido (vinhedo) - 04/06/2013

    Atos dos Apóstolos 1, versículo 4 E comendo com eles, ordenou-lhes que não se afastassem de Jerusalém, mas que esperassem o cumprimento da promessa de seu Pai, que ouvistes, disse ele, da minha boca. Você não acha que as 5 virgens não prudentes de hoje, são aquelas que se afastaram e continuam se afastando da igreja de Jesus Cristo por não guardarem a fé?

  • marli (vr/rio de janeiro) - 14/02/2013

    Esta parábola tem me incomodado bastante pq a biblia tem um versiculo que diz:"cuidais para que não seja achado dormindo".Então eu concluo que tem gente cheia de azeite dentro da igreja porém dormindo não se preocupando em ajudar nos ensinos da biblia.Tem muita gente sendo enganada por pastores que não pregam toda verdade e quem sabe fica quieto.A biblia fala de vários céus...as cinco entraram,eu me pergunto""e aí? acho que a resposta está em deuteronomio 29;29 ...

  • Luis Ricardo Torres (São Paulo) - 18/11/2012

    1.- O Noivo, é claro que é Jesus 2.- A Esposa: A NOVA JERUSALÉM, (ver apocalipse 21:9 e 10 E veio um dos sete anjos que tinham as sete taças cheias das últimas sete pragas e falou comigo,dizendo;mostrar-te-ei a esposa, a mulher do cordeiro. E levou-me em espírito a um grande e alto monte e mostrou-me a grande cidade, a santa jerusalém,que de Deus descia do céu ) 3.- as virgens,representam a igreja, aqueles que tem o Espírito Santo, e aqueles que não o tem .

  • LÚCIO TOLEDO MISQUITA (BELO HORIZONTE) - 03/11/2012

    O texto é riquíssimo em detalhes, comparando citações da parábola, com outras passagens bíblicas. Esclarece minuciosamente cada situação enumeradas nos versículos do evangelho, o que facilita o entendimento, alertando-nos para a necessidade da mudança de comportamento, dentro da comunidade cristã. Agradeço a Deus por existir pessoas iluminadas, com tal nível de conhecimento e interpretação, como a autor deste texto, visto que aqui encontrei as resposta que necessitava... Belo Horizonte, 03/

  • Márcio ADV (Serra) - 16/05/2012

    Mateus 25 – A parábola das dez virgens – Como Odalberto bem falou, a parábola tem sentido escatológico, ou seja, para os nossos tempos. Foi bem colocado em relação aos paralelos do noivo e das virgens. Para a noiva e as virgens foi colocado o mesmo paralelo (comunidade cristã). Percebemos que Jesus não colocou a palavra noiva na parábola. Alem disso, temos que avaliar outros detalhes da parábola. --------- 1) Como era o casamento para os judeus? No casamento judeu os noivos ficavam prometidos por aproximadamente ...