Na Turquia, em G√∂bekli Tepe, os pesquisadores encontraram um complexo arquitet√īnico que poderia ter inspirado a narra√ß√£o b√≠blica do G√™nesis: uma colina f√©rtil que j√° na Idade da Pedra era um centro sagrado dedicato ao culto de uma serpente, pr√≥ximo √† gruta na qual teria nascido Abra√£o.

A descoperta √© particular por que mostra que nove mil anos antes de Cristo havia um n√ļcleo social capaz de dar vida a edifica√ß√Ķes que testemunham uma religiosidade viva e com esquemas j√° bastante complexos. Ca√ßadores semin-n√īmades construiram santu√°rios de dimens√Ķes consider√°veis dedicados √† divindades com formas animais, em especial a um deus que lembra a serpente do para√≠so b√≠blico e que por isso poderia ter inspirado o narrador b√≠blico quando escreveu o famoso epis√≥dio da passagem do homem e da mulher pelo para√≠so terrestre.

A regi√£o se encontra na atual parte oriental da Turquia, nas alturas de G√∂bekli Tepe, pr√≥ximo a Harran, mencionado na hist√≥ria dos patriarcas. A regi√£o est√° ainda pr√≥xima dos montes Tauro e Zagros, que h√° 10 mil anos, quando terminou a √ļltima etapa glacial, se tornaram planaltos verdes, aos p√©s dos quais existiam plan√≠cies f√©rteis.
Gra√ßas √†s mudan√ßas clim√°ticas os habitantes daquela zona aprenderam a cultivar uma √°rea que pode ter ajudado a criar a imagem do jardim do ÔŅĹ?dem. Tal imagem teria sido fixada na mem√≥ria cultural daquela sociedade que a teria trasmitida aos autores b√≠blico.

A tese √© defendia por Klaus Schmidt, diretor das escava√ß√Ķes. Por√©m biblistas lhe contestam sublinhando que a hist√≥ria da B√≠blia tem como base uma sociedade com agricultura desenvolvida e que, portanto, tem um contexto hist√≥rico bem mais recente. A essas obje√ß√Ķes o arque√≥logo Klaus rebate dizendo que j√° os habitantes de G√∂bekli Tepe tinham capacidades de cultivar uma agricultura capaz de produzir amplos espa√ßos verdes, com muitas √°rvores frut√≠feras.

A favor dos biblistas tem tamb√©m o argumento do ambiente original da palavra ÔŅĹ??para√≠soÔŅĹ?ÔŅĹ (pairidaez, em persiano), que teria nascido no lugar onde Israel foi tido como prisioneiro, na Babil√īnia. Nesse per√≠odo, por volta dos anos 500 antes de Cristo, teria sido escrito a maior parte dos textos sobre a cria√ß√£o.

A favor do arque√≥logo, inv√©s, h√° a forma√ß√£o geogr√°fica da regi√£o da Turquia. Realmente existem muitos l√° existem muitos rios, como no ÔŅĹ?dem do Antigo Testamento. Al√©m disso, segundo Ezequiel 28,14, o jardim de Ad√£o e Eva se encontrava sobre uma monte sagrado. E tamb√©m o texto b√≠blico diz que ÔŅĹ??Deus formou o homem com argila e soprou em seu nariz o sopro da vida. E essa situa√ß√£o pode ser espelhada nas numerosas figurinhas de barro recentemente encontradas em Nevali ÔŅĹ?ori, pouco longe do monte G√∂bekli Tepe.