Uma janela sobre o mundo bíblico

O que Paulo quis dizer em Filipenses 1,21: "o viver é Cristo e o morrer é lucro"?



  • Pergunta de Jhonatan Willian de Souza, Americana - SP
  • 780
  • 08/08/2017
Odalberto Domingos Casonatto

Leia mais sobre Paulo |


Olá  Jhonatan Willian de Souza de Americana - SP!

Se conhecemos o personagem Paulo, não é difícil entender está linguagem paulina. Paulo de perseguidor dos cristãos se torna um apóstolo de Jesus, um anunciador das verdades que Cristo trouxe para humanidade.

Ele foi instruído, em Jerusalém na escola de Gamaliel, tornou-se um Fariseu, fervoroso, esteve presente até na morte de Estevão.

Nesta passagem da carta aos Filipenses, novamente aparece a personalidade de Paulo. Ele é um convertido para Cristo. Para Paulo o que importa a partir de sua conversão é o evangelho de Jesus. Vida ou morte não importam mais. Ele almeja que Cristo crucificado seja glorificado pelo anuncio do evangelho, quer na vida ou na morte.

Para o apóstolo Paulo viver não significa um privilégio pessoal.

Viver é trabalhar, é anunciar o evangelho de Jesus em todas as direções.

Paulo não escolheu viver para seus interesses, mas uma vez convertido para Cristo seu viver é Cristo Jesus.

 

Consulta:

  • COMBLIN, José, Epístola aos Filipenses, Comentário Bíblico N.T., Imprensa Metodista, 1985, pág.35.
  • BORTOLINI, JOSÉ, Como ler a carta aos Filipenses. O evangelho encarnado, serie como ler a Bíblia, Paulinas, São Paulo, 1 edição, 1991, pág.19-21.

780 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook