Onde está escrito na Bíblia que Deus tem o cabelo branco como a neve e seus olhos são como chamas de fogo e em sua coxa direita está ecrito "Rei dos reis e Senhor dos senhores"?

Pergunta de Laura Alves, Belo Horizonte
Resposta de Luiz da Rosa, em 02/10/2012


Leia mais sobre Apocalipse Simbolismo

A passagem, basicamente, se encontra no finalzinho da Bíblia, em Apocalipse 19,11-21. Nessa narração, o autor vê o céu aberto onde aparece um cavaleiro chamado "fiel" e "verdadeiro", que monta um cavalo branco; seu olhos são chama de fogo (v. 12); tem diademas sobre a cabeça; possui um nome que ninguém conhece (verbo de Deus); veste um manto embebido de sangue; é acompanhado por um exército todo branco (cavalo e vestes); da sua boca sai uma espada afiada; apascenta com um cetro de ferro; um nome está escrito sobre seu manto e sobre sua coxa: rei dos reis e Senhor dos senhores.

Todos os elementos da sua pergunta estão presentes nesse texto, exceto o fato que ele tem os cabelos brancos. Invés disso, o cavalo é branco assim como todo o exército. Com certeza há alguma influência a passagem que se encontra no início do livro do Apocalipse, nos versículos 9-16. Ali, quando João é chamado a escrever às sete Igrejas, aparece Jesus com os cabelos de sua cabeça brancos como lã branca, como neve e seus olhos parecidos com uma chama de fogo.

 

Simbologia do Apocalipse

Não é fácil entender o livro do Apocalipse. É necessário muito estudo e consciência que por trás das visões ali apresentadas existe um contexto muito familiar a uma corrente literária presente naquela época da história e que, invés, a nós é completamente estranho. Não há nada de escondido, de misterioso, de inacessível. Muitos pensam que João tenha escrito um livro cheio de sigilos e a partir dessa convicção fazem nascer mitos que não tem nada a ver com a Palavra de Deus.

A corrente literária da qual falávamos acima, a apocalíptiva, usa muito os símbolos. Para entender a mensagem desse estilo literário é fundamental saber ler nessa perspectiva. É muito importante também não se limitar ao texto em si, mas ser bastante curioso e buscar as raízes do uso desses símbolos, que muitas vezes estão presentes em outros livros dessa tradição, como por exemplo, Daniel, o livro apócrifo de Henoc, além de passagens até mesmo nos profetas, como Ezequiel.

 

Alguns símbolos em Apocalipse 19

Elementos protagonistas na sua pergunta são o branco, o fogo e o nome escrito "sobre o manto e sobre sua coxa".

O Branco: Na nossa cultura o branco também tem um significado muito intenso. Normalmente é ligado à pureza, à beleza e à alegria. É a veste do batismo, por exemplo. Mas também é muito frequente nos casamentos e, em alguns lugares, é costume sepultar as pessoas vestidas de branco. Na Bíblia é uma cor muito usata, sobretudo no Apocalipse. Além de ser a cor dos cabelos de Jesus em Apocalipse 1, é também a cor das vestes dos santos, em Apocalipse 7 (veja, a esse propósito o texto de Isais 1,18: "vossos pecados se tornarão brancos como a neve"). Quem vence terá as vestes brancas, diz Apocalipse 3,5. Por outro lado, o branco é também a cor do cavalo montado pelo cavaleiro, seja em Apocalipse 19 que em Apocalipse 6. Nesse caso é um emblema da vitória e da santidade. É no sentido da santidade, da divindade que devemos ler também a cor dos cabelos de Cristo em Apocalipse. O branco representa a divindade, a pureza e a ressurreição.

O fogo: na tradição apocalíptica, os olhos dos personagens têm, muitas vezes, um aspecto terrível e, no nosso caso, parecem de fogo. O fogo é um elemento recorrente nas teofanias, nas manifestações de Deus (veja sobretudo Êxodo 3,2: Deus que se revela a Moisés numa chama). É um elemento da natureza difícil de explicar e por isso é normal que apareça como uma realidade divina, espiritual ou angélica. Portanto, um personagem com "olhos de fogo" é um personagem divino.
Outro aspecto do fogo, muito comum também na Bíblia, é a sua capacidade de purificação. Por isso ele é símbolo do juízo divino.

Nome escrito sobre o manto e sobre a coxa: Sei que essa frase é fruto de muita especulação, muitas vezes usadas por quem busca uma citação que justifique a tatuagem, por exemplo. Com certeza o seu uso no contexto do Apocalipse não tem nada a ver com essa temática. Se quisermos usá-la com esse objetivo, estaremos tirando do seu contexto e isso não é lícito na leitura bíblica. O elemento fundamental dessa passagem é o título, o nome que está escrito; onde e como está escrito são detalhes de importância relativa. O título é "Rei dos reis e Senhor dos senhores". É o maior, o mais sublime, o mais poderoso.
Podemos também tentar ler por que João diz que o nome está escrito sobre a coxa. É normal, no Apocalipse, que o nome esteje escrito na fronte ou também na mão direita (veja 13,16). Invés o fato da escrita comparecer na veste e na coxa faz lembrar as estátuas de divindades gregas, que tinham os próprios atributos escritos nas vestes e nas pernas.

 

Mensagem do Apocalipse

Temos que deixar de pensar o livro do Apocalipse como um livro de ameaças, que mete medo. É uma mensagem de esperança para cristãos que se encontram em um contexto de perseguição. Cristo vence toda e qualquer dificuldade e a sua vitória significa também a vitória dos seus seguidores. Não é fácil ler as últimas páginas da Bíblia escritas por João. Mas não é por isso que temos que evitar a sua leitura. É necessário dotar-se de instrumentos idôneos que ajudam a interpretar em modo correto a mensagem ali presente, sem preconceitos e com o espírito aberto à revelação divina.

4546 visitas

2 comentários

Postar um comentário

  • RAFAELA (CRICIUMA) - 03/05/2014

    me desculpe resspondi na mensagem errada!!!mil perdoes, e que li em outra onde dizia q deuse branco e ia responder

  • RAFAELA (CRICIUMA) - 03/05/2014

    a palavra diz q o exercito branco (pode ser a vestimentas) negro tbm tem cabelo branco, acho que é melhor detalhar mais, não entendi a resposta