Siga-nos no FaceBook




Lugares bíblicos

Em que ano foi escrito o livro de Gênesis?

Pergunta de Camila, Recife
Resposta de Odalberto Domingos Casonatto, em 14/05/2012


Leia mais sobre Formação da Bíblia Gênesis

Olá Camila do Recife / PE!

 Estive pensando qual seria a melhor forma de responder a pergunta. O assunto envolve muitas teorias, suposições e encontramos muita matéria escrita. Podemos dizer que é um assunto controverso. Tem pessoas que fornecem boas informações, mas que elas não são aceitas por todos os estudiosos. Existem muitas contestações e esclarecimentos não compreensíveis ou que tem limites interpretativos.

Mesmo assim, para início de estudo, penso que te ajudará, embora tenhas que continuar lendo e se interressando no assunto. Apresentarei de forma resumida aquilo que tenho como resposta compreensível.

 

Origem do livro do Gênesis.

O livro do Gênesis tem um longa história na sua composição literária, os relatos históricos orais passados de geração em geração levaram mais de 1000 anos para criarem uma certa forma de compreensão a respeito das origens do universo e da humanidade. O livro Bíblico do Gênesis foi lentamente formado e passo a passo escrito.

 

Este trabalho é o resultado de três momentos importantes na caminhada da composição literária.

1 – Escritos surgidos na época do Rei Salomão acerca dos anos (971-931 A.C.)

2 – Escritos nos períodos de (800 a 700 A.C.).

3 .- Escritos surgidos do exílio Babilônico e do pós exílio cerca dos anos (586-400 A.C.).

 

Durante estes três períodos da história da redação do livro do Gênesis, as tradições antigas sobre estes relatos do início da humanidade foram recolhidos cuidadosamente, montados (a exemplo de uma colcha de retalhos) seguindo sempre um fio condutor. Este fio dava uma unidade no escrito, guardando características, políticas, religiosas e sociais da época em que foram compostos. O trabalho paciente de composição do texto aceitava certas tradições de acordo com a época e a situação política e social vivida pela população, rejeitando outras, fazendo-se retoques, aperfeiçoando o texto e costurando-se tudo de acordo com este fio condutor.

 

Concluindo: O livro do Gênesis adquiriu no final de tudo a forma de uma “colcha de retalhos”, muito bem confeccionado, formado por lendas vividas pelos antepassados, histórias que foram acontecendo ao longo da caminhada do povo, genealogias das famílias, e materiais diversos que iam se encaixando aqui ou acolá.

O livro do Gênesis assim elaborado tem semelhança a um baú encontrado no sótão de uma velha casa, onde neste baú foram guardadas, fotografias, presentes recebidos em ocasiões especiais e que eram de estimação, roupas antigas usadas em cerimônias especiais, etc... As histórias que ao longo do livro são apresentadas, não são difíceis de serem delimitadas, com seu início e termino. Mas uma pergunta intrigante sempre permanece qual o sentido da história que foi ali conservada, qual o sentido que ela tem para nós hoje.

4616 visitas

18 comentários

Postar um comentário

  • Paulo R Mallmann (Joinville) - 08/09/2014

    Se olharmos toda Biblia com leitura atenta do começo ao fim uma vez ou mais, (poucos o fizeram ate hoje e me abstenho de dizer se o fiz ou não )teremos idéia de que a humanidade, se tivesse iniciado conforme está escrito na Biblia, teria entre 5 a 10 mil anos. Estimativa. Se alguém quisesse exagerar diria então 20 mil anos. Quando se encontra uma ossada humana enterrada numa vala, chama-se o IML e os especialistas dizem com precisão bem grande, à quanto tempo ali estava enterrada. Ninguém contesta. Como existem oss...

  • Paulo R Mallmann (Joinville) - 08/09/2014

    Parabéns pela objetividade na resposta. É impossivel responder com precisão, mas sua explicação é brilhante tendo em vista que toda Bíblia (fundamental ao homem) foi montada de acordo com os interesses da época de sua montagem.Politicos,culturais mas acima de tudo pensando em como ter (a Igreja ) o povo cristão sob controle. Tanto que são raros os livros escritos por mulheres e que os dirigentes da Igreja puseram na Bíblia. Com certeza o Genesis não é a origem do mundo e do homem. E está como primeiro livro por raz...

  • DBonfim (Jaguarari) - 12/08/2014

    Sr. Josiano, há uns 5 mil anos, nem mesmo o alfabeto havia sido desenvolvido ainda, que se dirá ter-se escrito um livro!

  • Josino (Eunápolis) - 12/08/2014

    Discordo com o texto, pois se gênesis é o inicio o começo de tudo, seu autor no minimo o escreveu há uns 5 mil anos

  • VÍVIAN GHREICE (Teresópolis) - 22/04/2014

    Sr. DBonfim, de Jaguari, sou jornalista e gostaria MUITO de poder conversar com o senhor. Pelo meu nome, o senhor me encontra no Facebook. Poderia entrar em contato, por favor? Obrigada....

  • Mercês Carlos (Januária) - 12/03/2014

    Qual a redação final do livro de Gênesis aconteceu por volta de que ano?

  • Rubão (São Carlos) - 06/11/2012

    Prezado Márcio ADV (Serra). Gostaria de informar um link que possui centenas de justificativas, inclusive essas que você citou, apresentadas por criacionistas para tentar provar que a Terra é recente: http://www.talkorigins.org/indexcc/list.html Que Deus te leve.

  • DBonfim (Jaguarari) - 30/09/2012

    Com o limite do uso de caracteres a 500, agora não se desenvolve raciocínio. Limitamo-nos a concordar ou a discordar do que é dito. O espaço perdeu a graça. Ah, eu discodro do senhor, Márcio ADV(não dá para dizer outra coisa mais).

  • Márcio ADV (Serra) - 30/09/2012

    Quais são os dados arqueológicos rejeitados? Quanto a questão de Mateus 15, o que eu posso dizer ? Meu Deus!!!!!

  • DBonfim (Jaguarari) - 29/09/2012

    Márcio ADV, esses dias estive impossibilitado de postar, por isso não comentei sua resposta. Mas de volta às discussões, a questão em si não é se Jesus aceitava ou não a autoria da Torah como sendo de Moisés, mas sim, que a discussão do assunto era inviável. Também, a autoridade desses livros não se deve a quem os redigiu, mas acerca de quem os inspirou (Deus). E nessa perspectiva, tanto faz quem redigiu a obra; o que importa é seu valor de fé. / Jesus, de fato era Deus, mas também era homem. Como homem, foi inc...

  • DBonfim (Jaguarari) - 29/09/2012

    Só para retomar a conversa: Há uma diversidade de dados arqueológicos que são rejeitados por aqueles que buscam comprovação arqueologica para narrativas que não são históricas, mas só aceitam as pesquisas que lhes convém.

  • Márcio ADV (Serra) - 24/09/2012

    DBonfim...Quanto à critica textual( Baixa Crítica), não tenho problema nenhum, pois para um texto tão antigo, devemos procurar entender o que o escritor tentou dizer com o texto..Para que não criemos doutrinas totalmente erradas como vemos por aíJá em relação Alta Critica com seus objetivos de desmoralizar o texto bíblico, quando afirmam que a bíblia foi uma compilação posterior ao exílio e outras coisas mais, para mim continua se tratando de especulação, não há prova alguma.Tanto a linguística aplicada a antropo...

  • DBonfim (Jaguarari) - 24/09/2012

    Márcio ADV, não precisa relutar, esse espaço é para comentar mesmo. No tocante ao assunto, a interpretação de textos segue métodos. E a aplicação desses métodos, se for o histórico-crítico, considera uma série de fatores: gênero literário, formas literárias, conhecimentos de antropologia (bíblica e extra-bíblica), cosmologia, história, contexto histórico (Sitz im leben), geografia, línguas e outras formas de verificação, de CARATER CIENTIFICO, que não apenas o texto como chegou até nós, ou outros textos bíblicos. /...

  • DBonfim (Jaguarari) - 24/09/2012

    Márcio ADV, não precisa relutar, esse espaço é para comentar mesmo. NO tocante ao assunto, a interpretação de textos segue métodos. E a aplicação desses métodos, se for o histórico-crítico, considera uma série de fatores: gênero literário, formas literárias, conhecimentos de antropologia (bíblica e extra-bíblica), cosmologia, história, contexto histórico (Sitz leben), geografia, línguas e outras formas de verificação, de CARATER CIENTIFICO, que não apenas o texto como chegou até nós ou outros textos bíblicos. / ...

  • Márcio ADV (Serra) - 23/09/2012

    Estava relutando em entrar neste debate, mas não teve jeito.Desde quando “interpretação de texto” é ciência.Na verdade, o que você faz aqui DBonfim, é usar argumentos já apresentados na “Hipótese Documentária”, como falou o irmão Samuel, que como o nome já diz, é somente hipótese.As únicas ciências que podem ser usadas neste caso são arqueologia, geologia e talvez paleontologia...O método cientifico se baseia na seguinte sequencia: DEFINIÇÃO de um problema...OBSERVAÇÃO do fenômeno que apresenta este problema...APR...

  • DBonfim (Jaguarari) - 22/09/2012

    Samuel Zoffin, sobre a nossa discussão, resolvi responder nesta seção (que tem a ver com o assunto), já que na outra, a leitura foi comprometida pelo espaço, ficando parte do texto ocultada. / Assim, digo: ninguém que realmente leva a sério o estudo bíblico ignora a possibilidade de que o livro de Gn não seja resultado de mão única. / No caso de Gn 1,1-2a e Gn 2,4b-25, as diferenças estilísticas e as divergências nos relatos são gritantes indícios dessa possiblidade. / O fato de Jesus repetir uma das fórmulas como...

  • Márcio ADV (Serra) - 29/05/2012

    Será que a Universo tem realmente 13,5 bilhões, a Terra 4,5 bilhões e a vida na Terra 3,5 bilhões de anos de existência?** Na nossa galáxia, a Via láctea, as estrelas em velocidades diferentes, as do centro mais e as dos extremos menos velocidades, caso houvesse 14,5 bi de anos de existência, a via láctea seria um disco e não a espiral que encontramos hoje. Este é o dilema Winding Up * O Homem começou a deixar registros históricos somente +ou- 7000 anos, então ele passou um longo tempo sem produzir nenhum registro...

  • ADRIANA DE SOUZA PESSEK (NITERÓI) - 20/05/2012

    Já tive essa curiosidade e pelas minhas contas deve ter 5 mil anos. Sempre me causou estranheza, pois só a terra tem uns 14 bilhões de anos.