Siga-nos no FaceBook




Lugares bíblicos

Os Reis Magos segundo o Evangelho de Mateus

Estudo de Luiz da Rosa, em 02/01/2011


Leia mais sobre Natal Reis Magos


Os reis magos são personagens citados somente por Mateus (2,1-12), que visitam o menino Jesus, trazendo para eles presentes: ouro, incenso e mirra. O evangelista não diz quem são e nem o número, mas a tradição retém que eram 3 e deu a eles os nomes de Melquior, Baltasar e Gaspar. Esses nomes aparecem no Evangelho Apócrifo Armeno da Infância, do fim do século VI, no capítulo 5,10. O texto diz:



Um anjo do Senhor foi de pressa ao país dos persas para avisar aos reis magos e ordenar a eles de ir e adorar o menino que acabara de nascer. Estes, depois de ter caminhado durante nove meses, tendo por guia a estrela, chegaram à meta exatamente quando Maria tinha dado à luz. Precisa-se saber que, naquele tempo, o reino persiano dominava todos os reis do Oriente, por causa do seu poder e das suas vitórias. Os reis magos eram 3 irmãos: Melquior, que reinava sobre os persianos; Baltasar, que era rei dos indianos, e Gaspar, que dominava no país dos árabes.



Os três reis são chamados de “Magos” não porque fossem expertos na magia, mas porque tinham grande conhecimento da astrologia. De fato, entres os persas, se dizia “Mago” aqueles que os judeus chamavam “escribas”, os gregos “filósofos” e os latinos “sábios”.



De acordo com a narração de Mateus, os magos, quando chegaram em Jerusalém, primeiro de tudo, visitaram Herodes, o rei romano da Judéia, e perguntaram quem era o rie que tinha nascido, pois tinham visto aparecer a “sua estrela”. Herodes, claramente não conhecia a profecia do Antico Testamento (Miquéias 5,1) e perguntou aos seus sábios sobre o lugar onde deveria nascer o Messias. Tendo sabido que o lugar era Belém, mandou-lhes àquela cidade, pedindo-lhes que referissem a ele o lugar exato onde encontrar o menino, para que “também ele pudesse adorá-lo”. Guiados pela estrela, os magos chegaram a Belém, que fica a cerca de 10 quilômetros de Jerusalém. Chegados diante do Menino, ofereceram-lhe, como presente, ouro, incenso e mirra. Tendo sido avisados, em sonho, para não dizer nada a Herodes, voltaram para suas terras por uma outra estrada. Tendo descoberto o engano, o rei Herodes mandou matar todas as crianças de Belém que tivessem menos de 2 anos.



A exegese histórico-crítica, a partir do século XIX, propôs critérios para distinguir os fatos históricos provavelmente acontecidos dos episódios criados pelas comunidades cristãs ou pelos próprios evangelistas. Nesta linha, diversos exegetas contemporâneos sublinham que, no caso deste episódio, não nos encontramos diante de um fato histórico, mas de uma composição midrashica. Histórico ou não, o ponto de partida que o autor deste texto toma em consideração é a convicção de que o Menino Jesus fora rejeitado pelo poder constituído na Palestina. Por outro lado ele fora acolhido por pessoas que não tinham títulos especiais, que eram marginais à realidade onde ele nasceu, que vinham de longe e, por isso, considerados com certa desconfiança, excluídos. Os magos eram gentios, isto é, não judeus, que não conheciam as Escrituras, o Antigo Testamento. Portanto, a mensagem do Menino, segundo Mateus, é universal, destinada a ir longe.



Os presentes que os magos trazem para o Menino têm um rico significado simbólico. O ouro é o metal precioso por excelência e simboliza a regalidade. O incenso, um perfume que se queima, é usado durante as celebrações rituais e venerações religiosas e é o símbolo da divindade. A mirra vem de uma planta medicinal que, misturada com óleo, era usada para fins medicinais, cosmédicos e religiosos e também para embalsamar os corpos, simbolizando o futuro sofrimento redentor de Cristo.



Outro elemento importante na narração sobre os magos é a estrela. Somente na Idade Média se falou em cometa, especialmente o pintor Giotto, em 1301, impressionado pela passagem naquele ano do cometa. Invés toda a iconografia precedente fala simplesmente de “estrela”. Há hipóteses modernas que identificam a estrela com a conjunção simultânea, que aconteceu no ano 7 antes de Cristo, na constelação dos Peixes. Apesar destas tentativas de explicação, a presença da estrela provavelmente entra também na perpectiva simbólica da narração. De fato representa um símbolo messiânico presente já no livro dos Números, quando o profeta Balaão do qual se diz que “um astro procedente de Jacó se torna chefe” (24,17). Recordemos também o texto de Isaías 9,1: “O povo que andava nas trevas viu uma grande luz, uma luz raiou para os que habitavam uma terra sombria.



Não conhecemos a história sucessiva desses personagens. Isso, do ponto de vista de alguns estudiosos, se justifica com fato que não estamos diante de um fato histórico. De qualquer forma, na Alemanha, em Colônia, encontramos uma basílica com urnas onde teriam sido sepultados os reis magos. Essas relíquias estavam na Itália e no século XII foram levadas para a Alemanha.


11239 visitas

24 comentários

Postar um comentário

  • Erivaldo (Salvador) - 06/01/2014

    No NOME de QUEM?

  • adeilson (Natal) - 06/01/2014

    Como está escrito: Apocalipse 22:18 - Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro (Bíblia) que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro. Gálatas 1:8 - Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema. Bem creio cegamente na Palavra de Deus na qual não fala em "reis" mas apenas em magos muito menos tipifica "3". Deus abençoe a todos em nom...

  • Jacir M. Bora (Curitiba) - 06/01/2014

    A historia é verdadeira, e o mais importante é o significado do ensinamento, que nos mostra que Jesus o salvador deve ser o nosso guia o centro de nossas vidas, ou seja luz, a estrela a nos guiar para a verdade e vida eterna.

  • Fabio Nunes (miracatu -sp) - 12/12/2013

    quer dizer que a estrela não era de Deus? que coisa hein! mateus 2:7-10, eram sabios e não reis, não eram judeus convertidos mas adoram a Jesus, era necessário que tudo isso acontecesse, ate a fuga para o Egito, para que se fosse cumprida a vontade de Deus! os nomes deles não se encontram na biblia e sim e esses nomes aparecem no Evangelho Apócrifo Armeno da Infância, do fim do século VI, no capítulo 5,10.

  • Nilson (Rio Claro) - 04/12/2013

    Vanda, em primeiro lugar aprenda a escrever. A Biblia tem de ser interpretada sim, pois ela fala de uma época diferente da nossa, com outros costumes. Se vc ler a Biblia e levar ao pé da letra, estará correndo um sério risco de entender tudo errado. É o que os pastores de algumas seitas fazem. Abraços

  • juliana Cristina de Assis (santo andré) - 04/09/2013

    Bom sempre me questionei porque os Magos não são mencionados nas igrejas tanto católica quanto evangélica,se eles eram seres sábios,já que toda igreja segue a regra de ter um pastor, presbítero, diácono entre outros, porque não magos também sendo que foram os primeiros ao encontro e adoraram o menino JESUS. Todos nós somos adoradores de Deus PAI DEUS FILHO E DEUS ESPIRITO SANTO, não há de ficarmos julgando uns aos outros, é bíblico quanto a adoração a imagens, o unio digno de adoração é Deus, sendo que tudo que pe...

  • vanda (curitiba) - 12/03/2013

    Os evangelicos falao tanto em adorasao ,que tudo que os catolicos falao foi criado envetado ,e como eles sao manipulados pelos os pastores ,gente como vcs nao sabem entender a biblia ela tao simplis ,etao obivio vcs sabem quem foi o primeiro papa? nao ne ,foi PEDRO , quem pedro adorava ? gente , tenhao deus sempre en primeiro lugar , e DEUS nao tem como recebe as suas doasoes pois ele e o DONO ,DONO , DONO DO MUNDO ta dificio , o dismo e para costo com a igreja;

  • Erivaldo (Salvador) - 20/02/2013

    Apostasia, oriunda da igreja CATÓLICA. PAPA? Quem o autoriza de ser CHAMADO de VOSSA SANTIDADE? O s.. REPRESENTA quem? Deus? A Biblia fala desses Apostátas. Não gosto nem de comentar porque ofende à aqueles que são católicos e que os servem ainda, ainda? porque virá um dia em que seus olhos serão abertos Mat.22;32,33 ? Nossos olhos?

  • Erivaldo (Salvador) - 20/02/2013

    Welton, essas estoria inventadas pela igreja CATÓLICA não tem respaldo biblico. É apenas uma presepada de PRESÉPIO, venda de indulgências, criou-se lendas em torno do nascimento de Jesus, implantaram CULTOS PAGÃOS em uma igreja que não havia nada disso, era a igreja verdadeira antes de Católicos assumirem a direção disso tudo. Implantaram doutrinas de homens onde só havia a SÁ DOUTRINA dos APOSTOLOS e de CRISTO. A APOSTASIA entrou nesse tempo com mais força e poder.

  • welton (vitória da conquista) - 20/02/2013

    Os magos nunca foram reis pois os reis não praticavam a magia , eles consultavam sábios e mágicos , ninguém pode dizer quantos eram ! A estrela que os guiava não poderia ser da parte de Deus pois se fosse ela teria levado os magos até jesus diretamente sem passar antes por Herodes pois este queria matar a Jesus por medo de perder o trono e isso o alertou sobre o seu nascimento , coisa que nem Herodes e nem os seus sábios , seus escribas e fariseus( classe de pessoas que perseguiram jesus e o condenaram) sabiam...

  • welton (vitória da conquista) - 20/02/2013

    Uns magos (pessoas que praticam artes mágicas ) vindos do oriente ! Interessante esses magos dizerem claramente que vieram visitar o Rei dos judeus que , notem bem , nem o nome eles sabiam ! percebam também que os Reis não praticavam a magia pois eles tinham os seus mágicos , os seus sábios e os seus conselheiros! Importante também notar que apesar de ter uma estrela guiando os magos eles tiveram que perguntar onde encontrar Jesus deixando bem claro que eles tinham que se submeter ás profecias bíblicas e não a um...

  • Emerson (Salvador) - 30/12/2012

    meus irmãos em Cristo,a Bíblia esta bem clara em relação aos Magos do oriente,eles vieram adora-lo da parte de Deus: MT 2:2 e por divina revelação retornaram por outro caminho.

  • Emerson (Salvador) - 30/12/2012

    meus irmãos em Cristo,a Bíblia esta bem clara em relação aos Magos do oriente,eles vieram adora-lo da parte de Deus: MT 2:2 e por divina revelação retornaram por outro caminho.

  • Rodrigo Daniel (Sâo Bernardo do Campo) - 08/12/2012

    A Bíblia diz que vieram monges do oriente. Independente da quantidade, eles eram monges budistas que buscavam e o fazem até os dias de hoje, a volta de Siddhartha que todos erroneamente chamam de Buda. Eles sempre, ao saber que uma criança com características astrais específicas a visitam e oferecem em oportunidades que veem algo de Divino nessa criança: ouro significando a riqueza; incenso, que significa espiritualidade e mirra que significa humanidade.

  • jose carllos (sao bernardo do campo) - 28/09/2012

    É importanta frizar que era comum entre os povos árabes o conhecimento acerca da astronomia, um exemplo disso foi Jó que citou algumas vezes acerca disso em seu livro e ele era árabe.

  • Ryan Zappa (Florianópolis) - 04/09/2012

    Credo Como a falta de conhecimento é desconcertante! Amados, os magos eram persas, inimigos mortais dos romanos e nunca poderiam visitar aquelas paragens sem serem mortos.Esta é mais uma historieta de autoria de algum ignorante da época. Eles acreditaram!!

  • marivania (bh) - 12/06/2012

    Não existe fundamento nisso.Na palavra de Deus não fala nem quantos nem nomes,muito menos de onde viam os magos que pena que as pessoasprecisem de mais do que a palavra fala para crere!

  • Rafael (brasília) - 29/05/2012

    só lembrando que esses nomes dos magos está só nos livros Apocrifos então pode não dizer a verdade já que foi escrito muito depois da versão original!

  • Airton (São Bernardo do Campo) - 29/05/2012

    Gostei do estudo, mas até então desconhecia os nomes dos magos, pois no evangelho de Mateus é citado "uns magos" e não tres magos. Gostaria de saber onde está relatado que eram tres e seus nomes?

  • Marco Antonio C. Santos (SaSao Lourenço Da M ata - PE) - 04/05/2012

    estou regozijado por esta fonte de conhecimento pois nao sabia o nome dos tres magos que foram Adorar e ao mesmo tempo presentear a JESUS.Desde ja estou sabendo muito obrigado.

  • joao vicente da cruz (estrela da norte sp) - 15/01/2012

    Eu acredito muito nesse acontecimento historico os rei magos eram do pais do irâ

  • nelia m. w. lagemann (pato bragado) - 07/01/2012

    AMO Á BIBLIA,E POR MEIO DE DEUS OS TRÊS REIS MAGOS NÃO TRAIRAM A NOSSO SENHOR JESUS CRISTO,COMO SERIA BOM SE TUDO FOZE ASSIM. NELIA

  • Alessandro de A Moreira (Estreito) - 15/01/2011

    Bravo Ragazzo! Sono veramente contento quando vedo un bel testo come il tuo. Alessandro

  • Pedro Carlos Payan (são paulo) - 07/01/2011

    Os magos, sendo gentis, falavam a língua dos judeus da época? Conheciam as profecias pela versão da Septuaginta?