Uma janela sobre o mundo bíblico

A Bíblia é formada por 66 livros. Quantos desses são puramente históricos?



  • Pergunta de Lilian Graciela Moreira, Santo a Posse
  • 1137
  • 04/11/2017
Luiz da Rosa

Leia mais sobre Divisão da Bíblia |


A bíblia protestante tem 66 livros, mas não é a única, pois existem também outras bíblias cristãs, com tradições mais antigas do que aquela protestante. A Bíblia Católica, por exemplo, é formada por 73 livros, incluindo 7 livros tidos como canônicos já pelos cristãos da antiguidade, os 7 livros do Antigo Testamento escrito em grego: Tobias, Judite, 1 e 2 Macabeus, Sabedoria, Eclesiástico (ou Sirácide) e Baruc, além de fragmentos de Ester e de Daniel (veja mais sobre essa questão). Esclarecido esse ponto, passamos à resposta.

Não é fácil dar uma resposta correta a sua pergunta, pois podemos tomar diferentes perspectivas. Sugiro a clássica divisão dos livros bíblicos, que indicam como livros históricos a seguinte lista, do Antigo Testamento (em amarelo aqueles livros que não aparecem na Bíblia Protestante):

Josué
Juízes
Rute
I Samuel
II Samuel
I Reis
II Reis
I Crônicas
II Crônicas
Esdras
Neemias
Tobias
Judite

Ester
1 Macabeus
2 Macabeus

Em relação aos livros do Novo Testamento, vários definem como 'livro histórico' o Atos dos Apóstolos, escrito por Lucas.

Esta divisão pode ser prática em nível didático, mas não deveríamos tomá-la ao pé da letra. Basta recordar que os judeus definem alguns desses livros como 'proféticos'.

E o que dizer dos Evangelhos? Não são eles também históricos?

A verdade é que não podemos definir um livro bíblico pura história; elementos de história se misturam com mensagens teológicas. Isso se pode ver até mesmo nas Cartas de Paulo, onde é possível obter também informações históricas, embora tais escritos não sejam definidos como 'históricos'.

1137 visitas



Comentários

Os comentários são possíveis somente através da sua conta em FaceBook