Uma janela sobre o mundo bíblico

´┐Ż?xodo


´┐Ż?xodo 37



  1. Fez tamb├ęm Bezalel a arca de madeira de ac├ícia; o seu comprimento era de dois c├┤vados e meio, a sua largura de um c├┤vado e meio, e a sua altura de um c├┤vado e meio.
  2. Cobriu-a de ouro puro por dentro e por fora, fez-lhe uma moldura de ouro ao redor,
  3. e fundiu-lhe quatro argolas de ouro nos seus quatro cantos, duas argolas num lado e duas no outro.
  4. Tamb├ęm fez varais de madeira de ac├ícia, e os cobriu de ouro;
  5. e meteu os varais pelas argolas aos lados da arca, para se levar a arca.
  6. Fez tamb├ęm um propiciat├│rio de ouro puro; o seu comprimento era de dois c├┤vados e meio, e a sua largura de um c├┤vado e meio.
  7. Fez tamb├ęm dois querubins de ouro; de ouro batido os fez nas duas extremidades do propiciat├│rio,
  8. um querubim numa extremidade, e o outro querubim na outra; de uma s├│ pe├ža com o propiciat├│rio fez os querubins nas duas extremidades dele.
  9. E os querubins estendiam as suas asas por cima do propiciat├│rio, cobrindo-o com as asas, tendo as faces voltadas um para o outro; para o propiciat├│rio estavam voltadas as faces dos querubins.
  10. Fez tamb├ęm a mesa de madeira de ac├ícia; o seu comprimento era de dois c├┤vados, a sua largura de um c├┤vado, e a sua altura de um c├┤vado e meio.
  11. cobriu-a de ouro puro, e fez-lhe uma moldura de ouro ao redor.
  12. Fez-lhe tamb├ęm ao redor uma guarni├ž├úo de quatro dedos de largura, e ao redor na guarni├ž├úo fez uma moldura de ouro.
  13. Fundiu-lhe tamb├ęm nos quatro cantos que estavam sobre os seus quatro p├ęs.
  14. Junto da guarni├ž├úo estavam as argolas para os lugares dos varais, para se levar a mesa.
  15. Fez tamb├ęm estes varais de madeira de ac├ícia, e os cobriu de ouro, para se levar a mesa.
  16. E de ouro puro fez os utens├şlios que haviam de estar sobre a mesa, os seus pratos e as suas colheres, as suas tigelas e os seus c├óntaros, com que se haviam de oferecer as liba├ž├Áes.
  17. Fez tamb├ęm o candelabro de ouro puro; de ouro batido fez o candelabro, tanto o seu pedestal como a sua haste; os seus copos, os seus c├ílices e as suas corolas formavam com ele uma s├│ pe├ža.
  18. Dos seus lados sa├şam seis bra├žos: tr├¬s de um lado do candelabro e tr├¬s do outro lado.
  19. Em um bra├žo havia tr├¬s copos a modo de flores de am├¬ndoa, com c├ílice e corola; igualmente no outro bra├žo tr├¬s copos a modo de flores de am├¬ndoa, com c├ílice e corola; assim se fez com os seis bra├žos que sa├şam do candelabro.
  20. Mas na haste central havia quatro copos a modo de flores de amêndoa, com os seus cálices e as suas corolas;
  21. tamb├ęm havia um c├ílice debaixo de dois bra├žos, formando com a haste uma s├│ pe├ža, e outro c├ílice debaixo de dois outros bra├žos, de uma s├│ pe├ža com a haste, e ainda outro c├ílice debaixo de dois outros bra├žos, de uma s├│ pe├ža com a haste; e assim se fez para os seis bra├žos que sa├şam da haste.
  22. Os seus c├ílices e os seus bra├žos formavam uma s├│ pe├ža com a haste; o todo era uma obra batida de ouro puro.
  23. Tamb├ęm de ouro puro lhe fez as l├ómpadas, em n├║mero de sete, com os seus espevitadores e os seus cinzeiros.
  24. De um talento de ouro puro fez o candelabro e todos os seus utens├şlios.
  25. De madeira de ac├ícia fez o altar do incenso; de um c├┤vado era o seu comprimento, e de um c├┤vado a sua largura, quadrado, e de dois c├┤vados a sua altura; as suas pontas formavam uma s├│ pe├ža com ele.
  26. Cobriu-o de ouro puro, tanto a face superior como as suas paredes ao redor, e as suas pontas, e fez-lhe uma moldura de ouro ao redor.
  27. Fez-lhe tamb├ęm duas argolas de ouro debaixo da sua moldura, nos dois cantos de ambos os lados, como lugares dos varais, para com eles se levar o altar.
  28. E os varais fez de madeira de acácia, e os cobriu de ouro.
  29. Tamb├ęm fez o ├│leo sagrado da un├ž├úo, e o incenso arom├ítico, puro, qual obra do perfumista.

´┐Ż?xodo