Uma janela sobre o mundo bíblico

2 Reis


2 Reis 4



  1. Ora uma dentre as mulheres dos filhos dos profetas clamou a Eliseu, dizendo: Meu marido, teu servo, morreu; e tu sabes que o teu servo temia ao Senhor. Agora acaba de chegar o credor para levar-me os meus dois filhos para serem escravos.
  2. Perguntou-lhe Eliseu: Que te hei de fazer? Dize-me o que tens em casa. E ela disse: Tua serva no tem nada em casa, seno uma botija de azeite.
  3. Disse-lhe ele: Vai, pede emprestadas vasilhas a todos os teus vizinhos, vasilhas vazias, no poucas.
  4. Depois entra, e fecha a porta sobre ti e sobre teus filhos; deita azeite em todas essas vasilhas, e pe parte a que estiver cheia.
  5. Ento ela se apartou dele. Depois, fechada a porta sobre si e sobre seus filhos, estes lhe chegavam as vasilhas, e ela as enchia.
  6. Cheias que foram as vasilhas, disse a seu filho: Chega-me ainda uma vasilha. Mas ele respondeu: No h mais vasilha nenhuma. Ento o azeite parou.
  7. Veio ela, pois, e o fez saber ao homem de Deus. Disse-lhe ele: Vai, vende o azeite, e paga a tua dvida; e tu e teus filhos vivei do resto.
  8. Sucedeu tambm certo dia que Eliseu foi a Sunm, onde havia uma mulher rica que o reteve para comer; e todas as vezes que ele passava por ali, l se dirigia para comer.
  9. E ela disse a seu marido: Tenho observado que este que passa sempre por ns um santo homem de Deus.
  10. Faamos-lhe, pois, um pequeno quarto sobre o muro; e ponhamos-lhe ali uma cama, uma mesa, uma cadeira e um candeeiro; e h de ser que, quando ele vier a ns se recolher ali.
  11. Sucedeu que um dia ele chegou ali, recolheu-se quele quarto e se deitou.
  12. Ento disse ao seu moo Geazi: Chama esta sunamita. Ele a chamou, e ela se apresentou perante ele.
  13. Pois Eliseu havia dito a Geazi: Dize-lhe: Eis que tu nos tens tratado com todo o desvelo; que se h de fazer por ti? Haver alguma coisa de que se fale por ti ao rei, ou ao chefe do exrcito? Ao que ela respondera: Eu habito no meio do meu povo.
  14. Ento dissera ele: Que se h de fazer, pois por ela? E Geazi dissera: Ora, ela no tem filho, e seu marido velho.
  15. Pelo que disse ele: Chama-a. E ele a chamou, e ela se ps porta.
  16. E Eliseu disse: Por este tempo, no ano prximo, abraars um filho. Respondeu ela: No, meu senhor, homem de Deus, no mintas tua serva.
  17. Mas a mulher concebeu, e deu luz um filho, no tempo determinado, no ano seguinte como Eliseu lhe dissera.
  18. Tendo o menino crescido, saiu um dia a ter com seu pai, que estava com os segadores.
  19. Disse a seu pai: Minha cabea! minha cabea! Ento ele disse a um moo: Leva-o a sua me.
  20. Este o tomou, e o levou a sua me; e o menino esteve sobre os joelhos dela at o meio-dia, e ento morreu.
  21. Ela subiu, deitou-o sobre a cama do homem de Deus e, fechando sobre ele a porta, saiu.
  22. Ento chamou a seu marido, e disse: Manda-me, peo-te, um dos moos e uma das jumentas, para que eu corra ao homem de Deus e volte.
  23. Disse ele: Por que queres ir ter com ele hoje? No lua nova nem sbado. E ela disse: Tudo vai bem.
  24. Ento ela fez albardar a jumenta, e disse ao seu moo: Guia e anda, e no me detenhas no caminhar, seno quando eu to disser.
  25. Partiu pois, e foi ter com o homem de Deus, ao monte Carmelo; e sucedeu que, vendo-a de longe o homem de Deus, disse a Geazi, seu moo: Eis a a sunamita;
  26. corre-lhe ao encontro e pergunta-lhe: Vais bem? Vai bem teu marido? Vai bem teu filho? Ela respondeu: Vai bem.
  27. Chegando ela ao monte, presena do homem de Deus, apegou-se-lhe aos ps. Chegou-se Geazi para a retirar, porm, o homem de Deus lhe disse: Deixa-a, porque a sua alma est em amargura, e o Senhor mo encobriu, e no mo manifestou.
  28. Ento disse ela: Pedi eu a meu senhor algum filho? No disse eu: No me enganes?
  29. Ao que ele disse a Geazi: Cinge os teus lombos, toma o meu bordo na mo, e vai. Se encontrares algum, no o sades; e se algum te saudar, no lhe respondas; e pe o meu bordo sobre o rosto do menino.
  30. A me do menino, porm, disse: Vive o senhor, e vive a tua alma, que no te hei de deixar. Ento ele se levantou, e a seguiu.
  31. Geazi foi adiante deles, e ps o bordo sobre o rosto do menino; porm no havia nele voz nem sentidos. Pelo que voltou a encontrar-se com Eliseu, e o informou, dizendo: O menino no despertou.
  32. Quando Eliseu chegou casa, eis que o menino jazia morto sobre a sua cama.
  33. Ento ele entrou, fechou a porta sobre eles ambos, e orou ao Senhor.
  34. Em seguida subiu na cama e deitou-se sobre o menino, pondo a boca sobre a boca do menino, os olhos sobre os seus olhos, e as mos sobre as suas mos, e ficou encurvado sobre ele at que a carne do menino aqueceu.
  35. Depois desceu, andou pela casa duma parte para outra, tornou a subir, e se encurvou sobre ele; ento o menino espirrou sete vezes, e abriu os olhos.
  36. Eliseu chamou a Geazi, e disse: Chama essa sunamita. E ele a chamou. Quando ela se lhe apresentou, disse ele: Toma o teu filho.
  37. Ento ela entrou, e prostrou-se a seus ps, inclinando-se terra; e tomando seu filho, saiu.
  38. Eliseu voltou a Gilgal. E havia fome na terra; e os filhos dos profetas estavam sentados na sua presena. E disse ao seu moo: Pe a panela grande ao lume, e faze um caldo de ervas para os filhos dos profetas.
  39. Ento um deles saiu ao campo a fim de apanhar ervas, e achando uma parra brava, colheu dela a sua capa cheia de colocntidas e, voltando, cortou-as na panela do caldo, no sabendo o que era.
  40. Assim tiraram de comer para os homens. E havendo eles provado o caldo, clamaram, dizendo: homem de Deus, h morte na panela! E no puderam comer.
  41. Ele, porm, disse: Trazei farinha. E deitou-a na panela, e disse: Tirai para os homens, a fim de que comam. E j no havia mal nenhum na panela.
  42. Um homem veio de Baal-Salisa, trazendo ao homem de Deus pes das primcias, vinte pes de cevada, e espigas verdes no seu alforje. Eliseu disse: D ao povo, para que coma.
  43. Disse, porm, seu servo: Como hei de pr isto diante de cem homens? Ao que tornou Eliseu: D-o ao povo, para que coma; porque assim diz o Senhor: Comero e sobejar.
  44. Ento lhos ps diante; e comeram, e ainda sobrou, conforme a palavra do Senhor.

2 Reis


 


 

restbet restbet tv restbet giriş restbet restbet güncel restbet giriş restbet restbet giriş restizle betpas betpas giriş pasizle betpas betpas giriş pasizle iskambil oyunları rulet nasıl oynanır blackjack nasıl oynanır

malatya oto kiralama parca esya tasima sehirler arasi nakliyat istanbul bursa sehirler arasi nakliyat malatya oto kiralama istanbul evden eve nakliyat ofis tasima ofis tasimaciligi adalar ofis tasima evden eve nakliyat evden eve nakliyat buyu ask buyusu ayirma buyusu medyum medyum sikayetleri medyum yorumlari buyu ask buyusu baglama buyusu medyum dolunay medyum ask buyusu medyum medyum sikayetleri medyum yorumlari metal galvanizli sac paslanmaz sac metal hrp sac paslanmaz celik mekjoy seo instagram takipci satin al sex shop taksim sex shop istanbul esya depolama istanbul esya depolama shell aspx shell b374k shell şehirler arası nakliyat istanbul şehirler arası nakliyat viagra satış cialis